Caso 39

Urgentemente, isto se já no for tarde demais, a ganhadora do Oscar, Renee Zellweger precisa mudar de agente, nos últimos anos seus filmes são de uma inexpressividade ímpar, sem comentar a qualidade real (ruindade) dos mesmos. Pelo andar da carruagem, só faltam seus filmes começarem a ser lançados diretamente em dvd, o que pela qualidade, já poderia estar ocorrendo tranquilamente.

Zellweger até parece se esforçar ao se arriscar (ainda mais diminuindo os tiques de biquinho) num gênero inédito em sua carreira pós-Oscar, no entanto, caiu numa armadilha de filme de estúdio num roteiro reciclado de filmes recentes como A Orfã e Joshua, formulaico e sem clima de susto algum, simplesmente medíocre, mesmo sendo dirigido por um nome que anda despontando em Hollywood, mas pelo jeito, vai ficar somente nisto, Christian Alvart (que esteve recentemente nos cinemas com, o também roteiro reciclado, Pandorum).

A estranhar a presença de outros atores interessantes como Ian McShane, ou mesmo, nomes que estão despontando no mainstream hollywoodiano, como Bradley Cooper (Se Beber, Não Case). Já Zellweger precisa urgentemente, de um novo sucesso como Bridget Jones!

CASO 39: 3,0

Diretor: Christian Alvart

Roteiro: Ray Wright

Com: Renée Zellwegger, Jodelle Ferland, Ian McShane, Kerry O’Malley, Callum Keith Rennie, Bradley Cooper. 109 min. Paramount

Tags: , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: