Destaques da Semana em DVD/BluRay (18 à 29/03)

abeiradocaminhoÀ Beira do Caminho: drama de Breno Silveira, diretor de Dois Filhos de Francisco, baseado em composições de Roberto Carlos com o excelente ator  João Miguel e Dira Paes. A história de João (João Miguel), um homem que encontra na estrada uma saída para esquecer os dramas de seu passado. Por acaso ou sorte, seu caminho se cruza com o de um menino (Vinicius Nascimento) em busca do pai que nunca conheceu. A partir desse encontro, nasce uma bela relação que movimentará o delicado equilíbrio construído por João para enfrentar seus fantasmas.

hobbitO Hobbit – Uma Jornada Inesperada: voltamos à Terra Média, novamente pelas mãos de Peter Jackson, o que pelo menos garante uma unidade coma trilogia original, o problema aqui é o roteiro, mesmo criando laços com a trilogia original, o que sempre é um acerto, temos personagens mal trabalhados, principalmente os anões, não consigo diferenciá-los, e a sensação de que nada está acontecendo em diversas passagens, possivelmente por culpa de um pequeno livro ser expichado para se transformar numa trilogia. Na trama, Bilbo Bolseiro terá de enfrentar uma jornada épica para retomar o Reino de Erebor, terra dos anões que foi conquistada há muito tempo pelo dragão Smaug. Com o apoio do mago Gandalf e um grupo de 13 anões, liderados pelo lendário guerreiro Thorin Escudo-de-Carvalho, Bilbo terá grandes desafios contra os poderosos Goblins e Orcs, além do traiçoeiro Gollum. Neste caminho, ele ganhará a posse do “precioso” anel, que está ligado ao destino de toda a Terra-Média, de uma maneira que não poderia imaginar.

amorAmor: apesar de abrir da temática mais sádica ao expor o ser humano a sentimentos contraditórios, em Amor, Michael Haneke cria seu filme mais acessível ao expor, claro que de maneira nua e crua, a decadência física e moral de um casal octagenário de classe média francesa, ao vermos como o Georges tenta lhe dar com a doencça de sua esposa Anne. O trabalho dos atores é fantástico e o roteiro e a direção de Haneke avassaladores. Sem duvida um dos melhores trabalhos deste início de ano. Na trama, Georges (Jean-Louis Trintignant) e Anne (Emmanuelle Riva) são professores de música erudita que já passaram dos 80 anos. A filha, que possui a mesma profissão, vive fora do país com o marido. Um dia, Anne é vítima de um acidente e o amor que une este casal é posto à prova.

familiaflynnA Família Flynn: drama que permaneceu inédito em nossos cinemas com direção de Paul Weitz e dois bons nomes no elenco, Robert DeNiro e Paul Dano. Na trama, Nick (Paul Dano), 20 e poucos anos, tem a esperança de se tornar um grande escritor. Seu pai Jonathan (Robert De Niro) é um taxista alcoólatra que não vê o filho há 18 anos. Após um encontro no abrigo para sem tetos, onde Nick trabalha como voluntário e seu pai vai procurar abrigo por uma noite, a relação deles chega a um ponto sem volta.

negociacao_2A Negociação: bom suspense dramático que aborda este universo financeiro recente americano, traz no elenco um Richard Gere, poucas vezes visto, com um personagem que utiliza sua persona a favor do ator e do roteiro, merecendo todos os elogios posteriores, possivelmente seja o melhor personagem de sua vida, além dele, também temos Susan Sarandon e Tim Roth. Na trama, quando conhecemos pela primeira vez o magnata das operações financeiras de alto risco de Nova York, Robert Miller, na véspera do seu 60º aniversário, aparenta ser o retrato vivo do sucesso à americana no mundo dos negócios e no mundo da família. Mas por trás das paredes douradas da sua mansão, Miller está a tentar desesperadamente vender o seu império a um grande banco, antes que toda a dimensão das suas fraudes seja revelada. Lutando para esconder a sua vida dupla da leal esposa Ellen e da brilhante filha e aparente herdeira Brooke, Miller também vai tentando manter uma relação amorosa com uma comerciante de arte francesa, Julie Côte. Precisamente no instante em que se estava a ver livre do seu complicado império, um inesperado e trágico erro obriga-o a um jogo de malabarismo entre família, negócio e crime, com a ajuda de Jimmy Grant, um rosto do passado de Miller.

histeria_1Histeria: adoro como os ingleses pegam os temas mais inacreditáveis e fazem um filme disto. Como criar uma comédia romântica de época sobre a criação do vibrador? Os ingleses conseguem, no elenco Maggie Gyllenhall, Hugh Dancy e Jonathan Price. Na trama, após ficar desempregado, o Dr Mortimer (Hugh Dancy) arruma uma vaga como assistente do Dr. Robert Dalrymble (Jonathan Pryce), um dos pioneiros em tratamento feminino na especialidade de histeria. Da noite para o dia, o jovem e bonito doutor torna-se uma celebridade entre suas pacientes, que o procuram pela sua habilidade na “massagem manual”. A partir disto a história será escrita com a invenção de um dos primeiros aparelhos elétricos patenteados da história: o vibrador.

Tags: , , , , ,

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: