Filmes vistos em 2015

  1. sobapeleSob a Pele, Jonathan Glazer 4estrelas – Jonathan Glazer é um diretor bissexto, antes dirigiu Sexy Beast em 2000 e Reencarnação em 2004, que sempre apostou em personagens estranhos e soturnos, nada muito diferente do que acontece aqui, ainda mais estranho do que em Reencarnação (onde tínhamos um jovem guri apaixonado pela Nicole Kidman), apostando num drama com toques de terror e ficção científica, temos na verdade um estudo de personagem e situação, quase sem diálogos e com muitos planos abstratos e contemplatórios. Scarlett Johansson parece a escolha acertada, numa versão morena, surge descomprometida com sua imagem, com direito a nudez frontal, mas a grande pergunta que fica: até que ponto essa obra é reflexo de um projeto de autor e o que ela significará na carreira de Glazer? Indiferente a ela você não ficará! 
  2. elsaElsa & Fred, Michael Radford 2star– sempre lamento quando um diretor do porte de Michael Radford, responsável pelo belíssimo e tocante O Carteiro e o Poeta, perde tempo em bobagens irrelevantes como Um Plano Brilhante (filme de roubo à moda antiga com Demi Moore e Michael Caine) e este Elsa e Fred, refilmagem minguada de uma comédia humana e divertida do recente cinema argentino. Isso que Radford conta com um par de protagonistas de tirar o chapéu, Shirley Maclaine e Christopher Plummer, ambos competentes mas presos num roteiro que não imprime o carisma que o homônimo argentino consegue dar ao filme (o cinema argentino consegue imprimir atualidade a trama, principalmente, quando aposta em questões cotidianas como conflitos aos personagens).
  3. Filth, Jon S. Baird – 
  4. Operação Big Hero, Don Hall – 
  5. A Bela e a Fera (2014), Christophe Gans – 
  6. Era uma Vez em Nova York, James Gray – 
  7. Festa no Céu, Jorge R. Gutierrez – 
  8. Invencível, Angelina Jolie – 
  9. Foxcatcher – Uma História que Chocou o Mundo, Bennett Miller – 
  10. Mapa para as Estrelas, David Cronenberg – 
  11. Birdman ou (A Inesperada Virtude da Ignorância), Alejandro Gonzalez Inarritu – 
  12. Whiplash – Em Busca da Perfeição, Damien Chazelle – 
  13. A Boa Mentira (The Good Lie), Philippe Falardeau – 
  14. O Melhor de Mim, Michael Hoffman – 
  15. Interestelar, Christopher Nolan – 
  16. Caminhos da Floresta, Rob Marshall – 
  17. Livre, Jean-Marc Vallée – 
  18. Para Sempre Alice, Richard Glatzer e Wash Wetmoreland – 
  19. De Volta ao Jogo, David Leitch e Chad Stahelski – 
  20. Busca Implacável 3, Olivier Megaton – 
  21. Grandes Olhos, Tim Burton – 
  22. Sniper Americano, Clint Eastwood – 
  23. Selma – Uma Luta pela Liberdade, Ava DuVernay – 
  24. Jogos Vorazes: A Esperança – parte 1, Francis Lawrence – 
  25. Debi & Lóide 2, Bobby e Peter Farrelly – 
  26. Loucas Pra Casar, Roberto Santucci –
  27. Simplesmente Acontece, Christian Ditter – 
  28. Um Santo Vizinho, Theodore Melfi –
  29. Relatos Selvagens, Damian Szifron – 
  30. O Sétimo Filho, Sergey Bodrov – 
  31. As Vantagens de Ser Invisível, Stephen Chbosky – 
  32. Cake – Uma Razão para Viver, Daniel Barnz – 
  33. O Último Ato, Barry Levinson – 
  34. Jogada de Mestre, Daniel Alfredson – 
  35. O Ano Mais Violento, J. C. Chandor – 
  36. Um Momento Pode Mudar Tudo, George C. Wolfe – 
  37. Homens, Mulheres & Filhos, Jason Reitman – 
  38. Hotel Transilvânia, Genndy Tartakovski – 
  39. Golpe Duplo, Glenn Ficarra e John Requa – 
  40. Como Não Perder Essa Mulher, Joseph Gordon Lewitt – 
  41. Terceira Pessoa, Paul Haggis – 
  42. O Destino de Júpiter, The Wachowski – 
  43. Pride, Matthew Warchus – 
  44. The Babadook, Jennifer Kent – 
  45. Boa Sorte, Carolina Jabor – 
  46. A 100 Passos de um Sonho, Lasse Hallstrom – 
  47. Trash – A Esperança Vem do Lixo, Stephen Daldry –
  48. O Maravilhoso Agora, James Ponsoldt – 
  49. Velozes e Furiosos 7, James Wan – 
  50. A Família Bélier, Eric Lartigau –
  51. Kingsman – Serviço Secreto, Matthew Vaughn – 
  52. Chappie, Neil Blomkamp – 
  53. Irmã Dulce, Vicente Amorim – 
  54. Mortdecai – A Arte da Trapaça, David Koepp – 
  55. Quero Matar Meu Chefe 2, Sean Anders – 
  56. Ninho de Musaranho (Musarañas), Juan Fernando Andrés e Esteban Roel – 
  57. Trocando os Pés, Thomas McCarthy – 
  58. A Incrível História de Adaline, Lee Toland Krieger – 
  59. Cássia Eller, Paulo Henrique Fontenelle – 
  60. McFarland, USA, Niki Caro –
  61. Deixa Rolar, Justin Reardon – 
  62. Cada Um na Sua Casa, Tim Johnson – 
  63. Maggie – A Transformação, Henry Hobson – 
  64. A Escolha Perfeita, Jason Moore – 
  65. Ponte Aérea, Julia Resende –
  66. Slow West, John Maclean – 
  67. Escobar: Paraíso Perdido, Andrea Di Stefano – 
  68. Rumo Sem Fim, Jaume Collet-Serra – 
  69. Time Lapse, Bradley King – 
  70. Cinderela, Kenneth Branagh – 
  71. Corrente do Mal, David Robert Mitchell – 
  72. O Exótico Hotel Marigold 2, John Madden – 
  73. Ex Machina, Alex Garland – 
  74. The Atticus Institute, Chris Sparling – 
  75. The DUFF, Ari Sandel – 
  76. Mad Max: Estrada da Fúria, George Miller –  
  77. Casa Grande, Fellipe Barbosa – 
  78. Enquanto Somos Jovens, Noah Baumbach – 
  79. De Menor, Caru Alves de Souza – 
  80. Poltergeist – O Fenômeno, Gil Kenan – 
  81. Samba, Eric Toledano e Olivier Nakache – 
  82. Uma Longa Jornada, George Tillman Jr. – 
  83. Entre Abelhas, Ian SBF – 
  84. Every Secret Thing, Amy Berg – 
  85. O Franco-Atirador, Pierre Morel – 
  86. Sobrenatural: A Origem, Leigh Whannell – 
  87. No Auge da Fama, Chris Rock – 
  88. O Canal (2014), Ivan Kavanagh – 
  89. Mais Um Verão Americano, David Wain – 
  90. Jurassic World – O Mundos dos Dinossauros, Colin Trevorrow – 
  91. A Série Divergente: Insurgente, Robert Schwentke –  
  92. Superpai, Pedro Amorim – 
  93. O Menino e o Mundo, Alê Abreu – 
  94. Virando a Página, Marc Lawrence – 
  95. Não Olhe Para Trás, Dan Fogelman – 
  96. A Espiã que Sabia de Menos, Paul Feig – 
  97. Sorria, Você Esta Sendo Filmado, Daniel Filho – 
  98. Os Pinguins de Madagascar, Simon J Smith & Eric Darnell – 
  99. Get Hard (2015), Etan Cohen – 
  100. Marcados Pela Guerra, Peter Sattler – 
  101. A Dama Dourada, Simon Curtis –
  102. Lugares Escuros, Gillles Paquet-Brenner – 
  103. The Road Within, Gren Wells – 
  104. Hacker, Michael Mann – 
  105. Final Girl, Tyler Shields –
  106. Crimes Ocultos, Daniel Espinosa – 
  107. A Casa dos Mortos, Will Canon – 
  108. Belas e Perseguidas, Anne Fletcher – 
  109. Invasores – Nenhum Sistema Esta à Salvo, Baran bo Odar –
  110. Vingança ao Anoitecer, Paul Schrader –  
  111. True Story (2015), Rupert Goold – 
  112. Mr. Turner, Mike Leigh –
  113. A Escolha Perfeita 2, Elisabeth Banks –  
  114. Unfriended (Cybernatural), Levan Gabriadze – 
  115. O Exterminador do Futuro: Gênesis, Alan Taylor –
  116. jogosJogos do Apocalipse, John Huddles 3star – curiosa produção que mistura drama/ficção/filosofia que tem na figura de James D’arcy (visto como Jarvis na série Agent Carter) um professor que desafia os alunos a vislumbrarem cenários apocalípticos nos quais terão que optar em quem sairá vivo ou não para sobreviverem ao mesmo num bunker. Assim o roteiro e a direção criam diversas situações hipotéticas nas quais são debatidos temas filosóficos (interessantes os nomes envolvidos como a Caverna de Platão) para o comportamento dos alunos dentro do bunker e suas escolhas, que vão desde os tipos de profissão à procriação pós apocalipse, porém, depois de alguns cenários, a postura arrogante do professor (também participante da experiência) e a duração do longa o filme se torna maçante, mas mesmo assim, uma experiência bacana de acompanhar. Nem vou comentar os efeitos digitais pois notadamente os mesmos somente servem de pano de fundo à trama (que não é um filme de efeitos e nem deve ter tido orçamento alto para isso).
  117. Strangerland, Kim Farrant – 
  118. Lila & Eve, Charles Stone III –
  119. Jessabelle – O Passado Nunca Morre, Kevin Greutert –  
  120. Little Boy, Alejandro Monteverde – 
  121. The Face of an Angel, Michael Winterbottom – 
  122. (REC) 4 – Apocalipse, Jaume Balagueró –
  123. Entourage – Fama e Amizade, Doug Ellin – 
  124. Terremoto – A Falha de San Andreas, Brad Payton –
  125. Magic Mike XXL, Gregory Jacobs – 
  126. Sob o Mesmo Céu, Cameron Crowe – 
  127. Air, Christian Cantamessa – 
  128. Minha Querida Dama, Israel Horovitz – 
  129. Shingeki no kyojin: Attack on Titan, Shinji Higuchi – 
  130. Preço para Viver, William H. Macy – 
  131. O Quarteto Fantástico, Josh Trank – 
  132. A Brilliant Young Mind, Morgan Matthews – 
  133. Cinquenta Tons de Cinza, Sam Taylor-Johnson – 
  134. Cop Car, John Watts – 
  135. Que Horas Ela Volta?, Anna Muylaert – 
  136. Nocaute, Antoine Fuqua – 
  137. Tomorrowland – Um Lugar Onde Nada é Impossível, Brad Bird –
  138. Missão Impossível 5: Nação Secreta, Christopher McQuarrie – 
  139. Pixels, Chris Columbus – 
  140. Ted 2, Seth MacFarlane – 
  141. Divertida Mente, Peter Docter – 
  142. Cidades de Papel, Jake Schreier – 
  143. Exorcistas do Vaticano, Mark Neveldine – 
  144. Aliança do Crime, Scott Cooper – 
  145. Man Up, Ben Palmer – 
  146. beastsofnonationBeasts of No Nation, Cary Fuji Fukunaga – 4estrelas Ao surgir como plataforma para transmissão de conteúdo streaming anos atrás dificilmente acreditaria que em pouco tempo o Netflix, primeiro criaria conteúdo para exibição própria como séries e desenhos (Orange Is the New Black, House of Cards, entre outros), em busca de reconhecimento e popularização, já arrebatando prêmios importantes, para, num segundo momento, expandir ainda mais seu conteúdo ao criar e/ou exibir em parceria filmes inéditos no circuito exibidor tradicional (cinema/home video/televisão).Tendo alguns contratos e filmes já viabilizados nesse momento (se não me engano, com o ator Adam Sandler serão quatro filmes lançados) para exibição nos próximos meses, espero que o Netflix aposte em produções do calibre desta primeira, Beasts of No Nation continua
  147. Evereste, Baltasar Kórmakur – 
  148. Hitman: Agente 47, Alexander Bach – 2star
  149. O Agente da U.N.C.L.E., Guy Ritchie – 3star
  150. quemaleufizadeusQue Mal Eu Fiz a Deus?, Philippe de Chauveron – 3star O grande acerto do filme é ser uma comédia de nicho, público adulto, com piadas geopolíticas, religiosas e sociais sempre expondo ao ridículo seus defensores e mostrando como os diferentes acabam pensando da mesma maneira ao segregarem uns aos outros. Assim, o diretor cria uma típica comédia familiar, que perde fôlego em seu terceiro ato (pouco engraçado o conflito entre os pais dos noivos), porém acerta em cheio ao retratar no primeiro terço os conflitos entre os pais, as filhas (todas apagadinhas) e os genros (todos com boas tiradas, principalmente, quando ironizam entre si). A comédia de costumes continua sendo meu subgênero predileto dentro da comédia (do qual tenho restrições), com um olhar apurado sobre a rotina pode-se rir de praticamente tudo e todos e, melhor ainda, quando ri de si mesmo.
  151. Maze Runner: Prova de Fogo, Wes Ball – 2star
  152. Homem-Formiga, Peyton Reed – 4estrelas
  153. Tangerina, Sean Baker – 4estrelas
  154. Férias Frustradas, John Francis Daley e Jonathan M. Goldstein – 2star
  155. Hotel Transilvânia, Genndy Tartakovsky – 3star
  156. American Ultra: Armados e Alucinados, Nima Naurizadeh – 2star
  157. Pecados Antigos, Longas Sombras, Alberto Rodriguez – 4estrelas
  158. Descompensada, Judd Apatow – 4estrelas
  159. Como Sobreviver a um Ataque Zumbi, Christopher Landon – 2star
  160. A Travessia, Robert Zemeckis – 3star
  161. A Colina Escarlate, Guillermo del Toro – 3star
  162. The Wave (Bolgen), Roar Uthaug – 2star
  163. Peter Pan (2015), Joe Wright – 3star
  164. Goosebumps: Monstros e Arrepios, Rob Letterman – 3star
  165. A Entidade 2, Ciáran Foy – 2star
  166. Sicario: Terra de Ninguém, Denis Villeneuve – 5star
  167. Ponte de Espiões, Steven Spielberg – 3star
  168. Snoopy e Charlie Brown – Peanuts, O Filme, Steve Martino – 4estrelas
  169. A Visita, M. Night Shyamalan – 2star
  170. Perdido em Marte, Ridley Scott – 4estrelas
  171. 007 contra Spectre, Sam Mendes – 3star
  172. O Regresso, Alejandro Gonzalez Inarritu – 4estrelas

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: