Scandal (ABC) – 2ª temporada (FINALIZADA)

scandal2seasons02e01 White Hat’s Off – bom, aproveitando o intervalo de final de ano das séries, resolvi dar uma conferida em como anda Scandal, criação de Shonda Rhimes, que teve uma primeira temporada irregular, mas com potencial. Na verdade, tenho me surpreendido com a audiência “mega” estável da série, que continua sendo exibida às 5ª após Grey’s Anatomy, sempre por volta de 2-2,4, dando muito trabalho para a série novata Elementary do canal CBS. Assim retornei para ver se Olivia Pope já estava se comportando melhor, acho sua atitude muito arrogante e ao mesmo tempo, infantil pelo comportamento romântico imposto pelo roteiro. Nesse quesito pouca coisa mudou, o Presidente continua ligando pelas madrugadas atrás de conselhos de Olivia, isto que agora será papai; a equipe de Olivia continua muita avulsa, isto que perderam Henry Ian Cusick, eterno Brotha de Lost, ainda precisam trabalhar/criar conflitos para os mesmos. O retorno centrou na acusação de assassinato contra Quinn, que é uma identidade falsa, que teria mandado uma bomba para um ex-namorado e morrido mais pessoas, contando com a defesa de Olivia e com o Promotor contra, quando tudo parecia perdido, surge uma poder paralelo e cancela o caso. Ao final, descobrimos que Olivia e Huck estão envolvidos mais a fundo neste plot que deve ser o pano de fundo da temporada. A ilegalidade do comportamento de Olivia é outro aspecto que começa a me incomodar, como se ela tudo pudesse, o roteiro tem que saber dosar os limites da personagem se não estará sendo retratada uma “criminosa” na série.

s02e02 The Other Woman – episódio “metáfora” da série, com Olivia Pope auxiliando a viúva de um importante pastor que morreu na cama com a amante, de mais de 15 anos, claro que em um momento surge a Primeira Dama dando seu tapa de luva na posição de Olivia; já na Casa Branca, o iminente ataque americano ao Sudão se mostra uma fraude. Ainda arranjaram tempo para retratar alguns demônios de HUck, que teve a melhor frase do episódio ao achar que teria que “despedaçar” o pastor para transportá-lo! Melhorou em relação ao primeiro e já apresenta que o Promotor deverá ser uma pedra no sapato de Olivia, que tem contato até mesmo com juízes, também em relação ao caso de Quinn.

s02e03 Hunting Season – apesar de não aguentar mais o mimimi de Liv e o Presidente, chega dessa pataquada, pelo menos Millie botou os “pingos nos is”; o caso da semana envolvia o escritório de Olivia protegendo um funcionário da ANS que dizia ter descoberto a função de um programa secreto de segurança pública, bisbilhotar todo o povo americano através de computadores, celulares e tablets. Bem tenso e com Hunk sendo melhor aproveitado. Claro que achei exagerada obsessão de David!

s02e04 Beltway Unbuckled – finalmente o roteiro toma coragem e resolve descer do muro e retratar qual o grande mistério em torno de Quinn e a explosão que matou seu namorado e pela qual ela foi acusada, gostei de saber que estes eventos chegam até a Casa Branca na figura de Cyrus e Millie, parece que o Presidente sabe menos do que imagina, além de Olivia, a juíza e um figurão da indústria de petroleo, coisa grande. No entanto, David já iniciou sua investigação particular e parece que irá ganhar ajuda de Abby. O caso da semana envolveu uma questão política quando um jovem com passaporte diplomático atropela e esconde o corpo de uma jovem em Washington.

s02e05 All Roads Lead to Fitzapós a reunião de cúpula, pelo jeito, envolvida numa possível fraude eleitoral, pelo que pude observar, vemos que David retorna para a Promotoria, no entanto, Abby descobre novas informações para ajudá-lo; no caso da semana, vemos o governador democrata (derrotado por Fritz na urnas) matar o empreiteiro que estaria estuprando sua esposa, claro que as aparências enganam, no entanto, o roteiro ainda consegue dar mais uma reviravolta ao final. Além disso, Cyrus precisa lhe dar com o marido que volta a trabalhar como jornalista dentro da Casa Branca e com Mellie tentando se destacar na ausência do Presidente.

s02e06 Spies Like Us –  mesmo abordando melhor os personagens coadjuvantes, como Huck e Abby, dando um tempo em Quinn, o roteiro precisa cuidar os excessos, principalmente de verossimilhança, aqui tivemos informações sobre o passado de Huck, sendo que o mesmo lhe persegue quando um agente companheiro seu se suicida, fazendo com que seu grupo se reuna novamente; já Cyrus vai ter sérios problemas com seu namorido jornalista que possivelmente irá lhe boicotar de alguma maneira com a informação sobre o grupo de sombras da série (que envolve o personagem de Gregg Henry).

s02e07 Defiance – A familia de um milionário que está ficando louco decide procurar a Pope & Associates para evitar escândalos com sua fortuna, na verdade, a empresa irá a venda e os parentes querem evitar propaganda negativa; Liv se entrega ao romance com o senador, que tem oportunidade de assumir a presidência da casa quando o antigo presidente é pego namorando uma jovem, causando um escândalo;  enquanto isso, Quin está cada vez mais perto de descobrir o que aconteceu com ela, finalmente. Mas, ao final, vemos que o Presidente Fitz é alvo de um atentado, surpresa!

s02e08 Happy Birthday, Mr. President – fácil, fácil melhor episódio da série até aqui, contruído com duas linhas narrativas, ambas importantes, primeiro vemos o como terminou o atentado ao presidente, com sua “comunicadora” sendo morta e ele sofrendo uma intervenção cirurgica que o deixa entre a vida e a morte, assim Olivia assume seu antigo papel como Assessora de Imprensa da presidência e precisa lhe dar com a retomada de Vice Presidente querendo assumir o Salão Oval da Casa Branca, na outra linha narrativa, vemos como se deu a separação de Olivia e Fitz após o mesmo assumir a presidência, a descoberta de Mellie, o papel de Cyrus e a conspiração pelas eleições de Ohio, onde Quinn foi incriminada. Episodio bastante esclarecedor de alguns mistérios desenvolvidos até aqui, somente ainda não apareceu como Mellie entrou no assunto, porém ao final descobrimos a identidade do atirador e a pergunta que fica é: por que?

s02e09 Blown Away – para mim o saldo positivo desta metade da 2ª temporada é que as tramas do universo de Shonra Rhimes em Scandal são muito mais adultas e cheias de malícias, traições e reviravoltas, fugindo um pouco da sua característica novelística, me incomoda um pouco os super poderes da Pope & Associates, no entanto, como nesta temporada estão humanizando os coadjuvantes, acho que a série pode conseguir atingir um saudável equilíbrio. Falando sobre o episódio, era óbvio que Huck não seria essencialmente o atirador, aproveitam este arco para dar umas férias para o ator Tony Goldwin, assim criaram uma boa conspiração dentro da série, envolvendo a Vice, o grupinho de Olivia e os demais elementos do “sindicato das sombras” (Cyrus, Mellie, a juíza espertinha e Hollis); uma pena pelo marido de Cyrus que com isso caminha para uma morte iminente (na season finale, quem sabe?). Esses últimos episódios foram bastante intensos e cheios de traições, uma pena pela família modelo de Huck, e quem será que contratou Becky? Bons ganchos para a segunda parte da temporada!

s02e10 One for the Dog – claro que o plano de Millie em tentar recuperar a Casa Branca falsificando a assinatura de Fitz iria dar errado, não tem como a VP não perceber a artimanha, para piorar Huck está sendo torturado devido ao Ato Patriótico, acusado de ser o atirador, porém quando a Juíza faz um mea-culpa, e com a ajuda de David, Olivia arma um plano diferente; apesar do óbvio clichê final, quem não imaginava, o episódio foi bastante intenso, agora o mistério é para quem trabalha Becki (acho que tem surpresa por aí, não deve ser Hollis).

s02e11 A Criminal, a Whore, an Idiot and a Liar – apesar de achar que todo o flashback sobre os últimos dias da eleição que levou Fitz à presidência muito repetitivo pois nada de novo foi apresentado, somente como aqueles pessoas se reuniram e conspiraram, serviu pelo menos para mostrar uma figura humana bastante complexa de Fitz, conseguiram dar uma humanizada no personagem; já na atualidade, o Presidente levantou de qualquer jeito para tirar a presidência da mão da Vice, o que pode comprometer seu estado de saúde física e mental. Não aguento aquele Senador chato, como ele conseguiu descobrir sobre o romance de Olive e Fitz, é tão óbvio assim, como nenhum jornalista descobriu então? Os roteristas não conseguem criar um interesse romântico interessante para a personagem.

s02e12 Truth or Consequences – olha, não é que aos 45 minutos do 2º tempo, o roteiro abriu uma interessante brecha sobre a autoria do atentado contra o presidente; o que era simples, acusar Hollis, agora parace voltar-se à Cyrus (será?). No mais, vimos que a culpa consome Olivia, fazendo-a entregar Hollis à David, no entanto, parece que esse mistério é muito maior, o grupo de Olivia se reúne e finalmente consegue descobrir alguns dos segredos que Olivia vem carregando, já Millie, acuada pelo pedido de divórcio, arma mais uma de suas chantagens emocionais.

s02e13 Nobody Like Babies – nosssaaaa! que sequencia de episódios, pelo jeito acabamos de ver o final do arco sobre a fraude eleitoral, será que Olivia ainda terá coragem de denunciar? Mas a grande surpresa foi a descoberta que Verna foi a mandante do atentado contra Fitz, e como o mesmo não rendeu resolveu no seu leito de morte revelar toda a farsa para Fitz, que rendeu uma sequencia que finalmente coloca o personagem numa posição mais ativa e cheia de consequencias para o futuro da série, o personagem modificou seu comportamento e, a princípio, rompeu de vez com Olivia. Gostei dos Gladiadores sendo clamados para ajudar no escritório, coloca todos eles numa linha limite de etica e moral.

s02e14 Whiskey Tango Foxtrot – excelente idéia fazer um salto de tempo após os eventos do episódio passado, 10 meses se passaram, Mellie, Cyrus e Olive observam que Fitz descobriu sobre Defiance, e que isso está derrubando-o (apegado a bebida agora); assim, Mellie aproveita para demarcar território. O caso do episódio foi meio reciclado mas abriu um novo arco dramático envolvendo uma garota jornalista que transava para roubar segredos e vendê-los para mídia, assim numa manhã David Rosen acorda com a garota morta ao seu lado, chama Olive e equipe, obviamente eles transgridem todas as leis para desfazer a cena e começam a investigar o passado da jovem. Participação de Scott Foley (Felicity).

s02e15 Boom Goes the Dynamite – por incrível que pareça tenho uma dificuldade grande em prever o que pode acontecer na série, ao mesmo tempo no qual apresenta um caso da semana bem simples, mas assim mesmo espirituoso sobre os bastidores do poder numa família, temos logo de cara a revelação de Jake e Fitz, que virada do personagem, se tornando completamente obsessivo quanto à Olivia, além disso, precisa administrar o caso dos reféns espiões, que deve render um plot bastante interessante!

s02e16 Top of the Hour – Olivia é contratada para “consertar” a vida de uma grande empresária que traiu o marido com um concorrente ao Supremo americano, partipação de Cuddy de House, sempre aquele embaraço ao entrar na intimidade de um casal e a festa pública da mídia. Legal ver a queda de braço entre Olivia e Cyrus, este último tentando defender a honra do Juiz. Huck e Quinn trabalham juntos tentando observar como o Diretor da Cia está agindo, e Quinn aprende alguns truques de Huck. O legal é que terminou o arco dos agentes sequestrados, com a ajuda de Olivia e Jake, o qual não consigo decifrar, nem prever suas ações!

s02e17 Snake in the Garden – mais um bom episódio da série, que vem mantendo um ritmo intenso há algumas semanas, antes de comentar sobre o plot do episódio preciso confessar que adorei a storyline de Millie e Fitz, todo seu dasabafo foi uma verdadeiro “voadora” no presidente cheio de mimimi; Hollis procura a ajuda de Olívia quando sua filha é sequestrada. Enquanto isso, David continua em perigo, encontrando segurança na Pope e Associados; Olivia e Jake seguem flertando, e Cyrus tenta desesperadamente voltar ao lado de Fitz. Além disso, vemos que a trama envolvendo o espião e o diretor da CIA teve uma nova reviravolta.

s02e18 Molly, You in Danger, Girl – quando a esposa, agora viúva, do Diretor do Cia, encontrado morto num aparente suicídio, Olivia acha uma brecha para uma grande conspiração, da qual não tenho a menor idéia de onde irá chegar, inclusive envolvendo, Jake, Fitz e Cyrus, não tenho a menor idéia de onde esta storyline irá chegar.  Além disso, o relacionamento de Olivia e Jake progride, e o casamento de Fitz e Mellie chega a um novo ponto.

s02e19 Seven Fifty-Two – Segredos da vida de Huck são revelados, Olivia e Fitz se envolvem em uma conversa carregada de emoção, e a equipe de Olivia se reúne para ajudar um dos seus. Mellie toma uma decisão. Primeiro episódio da temporada que achei bem filler, mesmo interessado no passado de Huck, confesso que as ligações com as pessoas do presente já eram bem previsíveis, vamos ver onde isto irá dar!

s02e20 A Woman Scorned – Enquanto os gladiadores (associados) continuam a investigar o verdadeiro Albatroz, somente descobrindo de quem se trata, mas não para quem trabalho e quem é o espião, Olivia continua em perigo, porém Fritz chega junto para tê-la novamente. Na Casa Branca, Mellie dá um ultimato ao ameaçar a carreira do presidente numa entrevista televisiva. Final arrebatador, pobre Cyrus, achei que iria pular em Mellie!

s02e21 Any Questions? – A Casa Branca está no meio do seu maior escândalo de todos os tempos e Cyrus está de olho na tempestade. Enquanto isso, Olivia prepara um substituto e um espião se revela.

s02e22 White Hat’s Back On Season Finale – não fosse o mi-mi-mi de Olivia e o Presidente Fitz esta seria uma das melhores season finales da temporada 2012/13, foi tudo muito dinâmico com Cyrus tendo um infarto e os gladiadores tentando descobrir todo a conspiração que nos levou a antigos personagens e adversários políticos do Presidente. Ao final, ainda tivemos Quinn promovida sem querer, David dando um golpe magistral, e Olivia sendo “apunhalada”, a princípio, por seu próprio pai, quem esperaria por essa?

Enquanto a outra série de Shonda, Grey’s, paga o preço do tempo com sua previsibilidade, Scandal mostrou nessa 2ª temporada um amadurecimento com bons arcos dramáticos (claro, deixando bem claro o quão adolescente me parece a relação de Olivia e Fitz) e personagens coadjuvantes onipresentes (mesmo efeito utilizado em The Good Wife), levando a série a crescer consideravelmente de audiência, uma surpresa para mim e para o canal pelo jeito, a série passou a aaudiência de Grey’s (que ainda tem uma concorrência maior) e deixou para trás a queridinha série novata do canal CBS, Elementary.

STATUS: RENOVADA PARA A 3ª TEMPORADA (set/13).

11 Respostas to “Scandal (ABC) – 2ª temporada (FINALIZADA)”

  1. Vera Silva Says:

    Engraçado, gosto da serie e principalmente do romance Olivia/Fitz. Não acho muito mimimi. Sei que no Brasil esses personagens com certeza não irão agradar. Imagina, uma mulher negra ter um caso com o presidente e pior, a paixão que ele tem por ela. Acho que parte da crítica ao romance dos ditos personagens pode ser por racismo, puro e simplesmente

  2. Paulo Jr Says:

    Sabes Vera, que o que me incomoda não é o romance em si, mas como o roteiro altera a personalidade da personagem de Olivia, retratada como uma mulher forte e determinada, para um comportamento imaturo e, por vezes, infantil, no que se refere ao seu relacionamento com Fritz, já este a série sempre retratou como um homem impulsivo e de fácil manipulação (fraco, por vezes).

  3. deuza oliveira Says:

    concordo com o comentário dos dois, em algumas partes, mas quando estou assistindo a serie, não me importo se a olivia é negra ou se fitz é fraco, me detenho apenas no amor dos dois e na estória em si não tento ver defeitos ou falhas, apenas assisto e curto a serie.

  4. Vera Silva Says:

    Deuza, gostei do seu comentário. Sem dúvida, o mais importante é o amor que um nutre pelo outro. Gosto da série, bem mais que a grey’s anatomy, da mesma autora.

  5. Débora Says:

    Adoro a série. Amo o fato de Olívia e Fitz sempre se renderem ao amor que sentem, pois este é o único sentimento que nos deixa totalmente idiotas. AS pessoas que se prendem demais com as questões de racismo, ainda não evoluíram. Estou super ansiosa pela 3 temporada, beijos….

  6. leandra rodrigues Says:

    concordo plenamente com você Debora o amor é o único sentimento que nos torna idiotas e infantis.Por isso que adoro o mimimi de Olívia e Fitz.

  7. andreza santana Says:

    Ai cara o romance da Olivia e do Fitz para mim e que torna a olivia mais humana menos deusa,por assim dizer.

  8. Taís Says:

    Eu acho o romance do Fitz e Olívia um amor impossível. Pelo menos por hora. Ele quer ser presidente (e gosta disso) e ela quer quer ele seja presidente. Acho que ela deveria pensar na possibilidade de se juntar o Jake, até porque tá na cara que ele gosta dela, embora de inicio ela seja apenas o trabalho dele. Eles são bons juntos. Depois que acabar o governo do presidente aí sim eles poderiam ficar juntos. Olívia fica muito vulnerável na presença do presidente, acho que nessa temporada ela deveria se impor e se manter integra mesmo que balance ao ter contato com ele.

  9. Ferreira Erika Says:

    Ninguém consegue ser forte o tempo inteiro. E o que o romance apresenta pra mim é esse lado que todos procuramos: se sentir amado. A relação dela com o presidente é uma das coisas que me deixa encantada por essa série. Me identifico totalmente com a Olivia. E concordo com a Taís, acho que ela deveria olhar para o Jake.

  10. Jessica Dias Says:

    Eu nao acho “mimimi”.. Quem acompanha a Shonda ja pode esperar um seriado cheio de dramas..
    Gosto do modo como Olivia tem que ser racional mas tem aquele desespero para viver um amor impossivel.. Que é o que a sociedade exigi da mulher hoje em dia “Tem que focar na sua carreira, e esqueca o amor”.. As vezes ela tem que ser forte por todos, mesmo que isso traga consequencias terriveis pra ela no futuro. Tenho sentimentos contraditorios sobre Olivia, gosto dela, gosto do drama que ela vive, mas tem varias atitudes dela que nao concordo em relação a politica..
    Amo o poder que as mulheres tem nesse seriado, e como cada uma tem que guiar esse poder na trama..
    Fora a trilha sonora que me agradou de mais..
    Agora é so espera pra ver o que a “Shondanas” vai aprontar..

  11. maria rosilene Says:

    acho perfeito o “mi- mi-mi” da Olivia e o presidente,,,,foi isso que me atraiu na série,,,precisamos disso,,,isto dá o “molho” pra estória!,,,,falta de romantismo a vida nos dá!adorei,,,espero que continue,, e renda frutos!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: