The Good Wife (CBS) – 4ª temporada (FINALIZADA)

s04e01 The Fough the Law – em seu retorno a série mostra que Lockhart & Gardner continua numa “pindaíba” incrível, chegando sua dívida ao tribunal, fazendo com que um administrador entre em cena (participação de Nathan Lane, ainda discreta mas pelo porte do ator parece promissora); já Alicia, além de ter que lhe dar com uma “batida policial” tendenciosa colocando Peter de frente ao Promotor do outro distrito, ela precisa comparecer a entrevistas e reuniãos como esposa do candidato democrata à Governador, deve lhe dar bastante trabalho (aqui vimos a participação de Kristin Chenoweth como repórter). Já o gancho principal da season finale, Kalinda esperando o marido (ou ex), rendeu sequências cheias de tensão sexual e violência, estranho observar a ambiguidade da personagem.

s04e02 And The Law Won – episódio que trouxe uma nova e até agora misteriosa personagem, Maddie (da atriz Maura Tierney), que chega como proprietária do prédio onde reside a Lockhart & Gardner (cheia de problemas financeiros, tendo que pedir desconto no aluguel), que parece se aproximar de Alicia com alguma intenção ainda não revelada. No entanto, sua entrada e apoio ao Peter fez Diane ficar meio receosa com Maddie e Alicia; enquanto isso, kalinda ainda não sabe como agir com seu marido e Will retorna aos tribunais processando o município por ter causado a morte de um jovem durante uma manifestação (bacana os nuances do caso!).

s04e03 Enquanto Alicia e Will representam uma pequena empresa da internet em um processo contra a ferramenta de busca que manipula resultados, Eli tenta evitar um escândalo em potencial na campanha de Peter. Retorno do irmão de Cathy, de The Big C, como um “steve jobs” da informática.

s04e04 Don’t Haze Me, Bro – Eli Gold foi um dos grandes destaques do episódio, porque agora ele tem um grande problema em mãos e apesar de todos os esforços para prova que a historia de que Peter teria dormido com uma auxiliar de sua campanha era falsa, e ainda aguentar Jackie querendo participar da campanha (ela e seus insetos!), viu todo seu trabalho ir pelo ralo com a ameaça de que um blog anarquista que publicará a matéria. O caso da semana girou em torno da morte de um universitário em uma das típicas confraternizações universitárias que não acabam bem, sendo que os pais estavam tentando responsabilizar a Universidade pela negligência, Diana estava extremamente motivada e conseguiu refutar todas as tentativas do advogado de transformar a morte do rapaz em um crime de ódio.

s04e05 Waiting for the Knock – gosto muito que a série tenha uma “mitologia” com suas tramas, para volta e meio reabordar um caso, personagem, advogado ou juíz; aqui revemos o traficante Leonard Bishop, que acaba sendo entregue por um informante ao FBI, no caso, a namoradinha de Kalinda (o único plot que ainda não rendeu e esta trama de Kalinda com seu marido, já deu o que tinha que dar!). Além disso, Eli precisa se transformar num bombeiro para evitar estrago na notícia vazada sobre o caso de Peter com a funcionária, fazendo com que Maddie queira sair da campanha, ainda não sei o que os roteiristas estão tramando para Maddie, personagem misteriosa dentro da temporada.

s04e06 The Art of War – Alicia representa uma oficial do exército que acusa um empreiteiro civil de tentar estuprá-la no Afeganistão. Enquanto isso, um surpreendente novo obstáculo aparece no caminho de Peter para o governo. Nossa mais um ótimo episódio, já vale somente pela capacidade de juntar personagens já mostrados em outras temporadas e episódios recentes, na sequência inicial, na recepção lotada, havia a Juiza militar, a reporter “bitch” e Maddie entre outros, muito bom.

s04e07 Anatomy of Joke – enquanto defende uma humorista que mostrou os seis em rede aberta, propositalmente, contra a rede de televisão e a “ditadura local” (aquele Conselho não sei do que americano!), Cary precisa lhe dar com uma inusitada aproximação de seu pai (John Glover, Lionel de Smallville) e Eli precisa conter as crises políticas que surgem a cada minuto, como a estagiária dizendo que Peter tem uma mancha no pênis do formato do Brasil, sim!

s04e08 Here Comes the Judge – Will acredita que um juiz está sendo unilateral no que diz respeito a um cliente, portanto pede uma auditoria para mudar de juiz; Grace lida com a morte de um colega de classe, ao mesmo tempo em que Zach busca uma forma de ajudar na campanha do pai. Apesar de achar que as storylines dos filhos de Alicia e Peter dificilmente rendem, até porque, normalmente as outras tramas são mais fortes e importantes, aqui não houve muito estrago, mas o caso difícil do Juiz ainda chamou mais atenção!

s04e09 A Defense of Marriage – Alicia e Diane concordam em deixar um famoso advogado liberal ajudar num caso, mas elas logo percebem que o novato pode ter outros interesses no caso além da defesa do cliente, envolvendo questões constitucionais sobre o casamento gay. Enquanto isso, a mãe de Alicia (participação de Stockard Channing) chega em busca de apoio moral e legal dos filhos, o que diz muito sobre o comportamento de Alicia e seu irmão.

s04e10 Battle of the Proxiesnum episódio que, espero, tenha encerrado uma das piores storylines da série (o marido de Kalinda e sua relação obsessiva com a personagem), também tivemos um caso no tribunal muito interessante, na verdade, dois tribunais estavam julgando o mesmo crime, um assassinato de uma jovem, sendo que Will e Alicia defendiam seu cliente da acusação de Amanda Peet (nao lembro seu nome de cor, flertando com Will) e, ao mesmo tempo, dando dicas e suporte para o caso no distrito próximo onde trabalhavam com o promotoria, que acusava outra pessoa do crime. Nem vou comentar a trama dos filhos de Alicia porque em dois episódios seguidos é fogo! Já Eli, pelo jeito, vai ganhar uma storyline para chamar de sua, envolvendo política, economia e a Justiça, interessante!

s04e11 Boom De Ya Da – em seu retorno pós-hiato 2012, a série reabre um novo arco envolvendo o fantástico Eli que deve render muito, deixando de lado a chatice de Kalinda casada, com a chegada de investigação federal chefiada por Wendy (sim, adversária de Peter) e um novo auxiliar para Eli, T.R. Knight de Grey’s Anatomy, já Alicia não ficou de fora, teve que negociar com Canning (Fox, sempre ótimo), sobre um caso envolvendo as casas tomadas por bancos que geraram problemas de saúde nas comunidades, ao final, depois de observar como Alicia cresceu como advogada, a bomba: Canning comprou a dívida de Lockhart & Gardner, deve render muito esse plot!

s04e12 Je Ne Sais What? – excelente episódio, claro que principalmente pelo retorno de Elsbeth Tascioni, a brilhante e atrapalhada advogada amiga de Alicia. Ela peda ajuda à Alicia para tirá-la da prisão num caso onde uma esportista está perdendo o patrocínio por suspeita de doping, no entanto, como Alicia está com ela, Will e Diane (que fala francês fluentemente) tentam remover essa decisão do Conselho Esportivo. Enquanto isso, Peter observa que tem um grande abacaxi em suas mãos, tendências preconceituosas em suas decisões na Promotoria. A melhor notícia é que Elsbeth assumirá o caso de Eli Gold, imperdível!

s04e13 A Seven Day Rule – Alicia fica contentíssima com a possibilidade de ingressar na sociedade da empresa, no entanto, para seu desencanto outros advogados, como Cary, também foram convidados e para piorar, esta é uma armação para conseguir levantar dinheiro e pagar a dívida de empresa. No tribunal, Canning tenta pressionar para cobrar a dívida, já Eli pressiona Alicia para que ela “acredite em Deus” pelo menos um pouquinho.

s04e14 Red Team, Blue Team – para defender um cliente, Will e Diane montam um julgamento com juri, tendo como adversários Cary e Alicia para testar seus argumentos, porém não esperavam que ambos tivessem ficado “putos” com o cancelamento da oferta de sociedade, comente porque as contas da empresa se equilibraram, assim montam uma acusação impiedosa. Já Eli e Elsbeth precisam enfrentar o governo (na figura de David MacLachlan) e tentar derrubar o caso contra ele.

s04e15 Going for the Gold – episódio volta a focar a caça às bruxa do Departamento de Justiça contra Eli Gold, no entanto, o que Kyle (josh) MacLachlan não esperava era contar com a esperta e perspicaz Elsbeth (Carrie Preston, sempre roubando cenas); na política, chegou o dia do debate entre Maddie e Peter, que sente falta dos conselhos de Eli; na Lockhart & Gardner, Alicia precisa se impor em seu novo papel como Sócia da firma, já tendo seu nome em fofocas pelos outros advogados.

s04e16 Runnin’ With The Devil – voltamos para o cliente mais conhecido da Lockhart & Gardner, Leomond Bishop, que precisa que Alicia, Cary e um advogado de sua confiança (com ar angelical e intenções ambíguas) tentem derrubar a prisão preventiva em seu caso; ja os sócios precisam achar um equilíbrio entre crescer novamente e manter a estabilidade da firma, já Kalinda esta prestes a ganhar uma colega de profissão, o que ela não aceita muito bem! Mais um bom episódio.

s04e17 Invitation to An Inquest – O mais recente caso de Alicia e Will os leva a um inquérito no escritório de um médico legista, para descobrir se um conhecido juiz cometeu ou não suicídio. Quem retornará é o pai de Cary, trazendo novos negócios à firma, claro com ressalvas de seu filho, já Eli prepara uma cilada para Jordan, nada como mexer na família de Peter, seus filhos, para Alicia virar “bicho”!

s04e18 Death of a Client – num episódio fantástico os roteiristas pegaram o assassinato de um cliente paranóico de Alicia e Will, morto com disparo de arma de fogo em plena rua, para fazer uma volta ao passado recente de Alicia, com isso, envolvendo sua relação com Will. Tudo isto acontece durante um jantar com figuras religiosas católicas, que podem ou não ofertar seu apoio à Peter ou à Kresteve (Matthew Perry pode enterrar Go On, falta ao ator um ótimo personagem com bons diálogos, como acontece aqui em TGW). Assim, Alicia precisa sair e ir à delegacia para prestar depoimento e apontar quem poderia querer matar seu cliente (esqueci de mencionar, nosso querido John “Walter Bishop” Noble), além destas participações também tivemos o retorno da mãe de Alicia (Stockard Channing) entregando alguns segredos do passado de Alicia para os filhos. Perfeito!

s04e19 The Wheels of Justice – Mais um caso singular em que Alicia e Wil precisam impedir Sweeney (nova participação de Dylan Baker, junto à Morena Baccarin) a ir para prisão, que desta vez pode ser perpétua. Cary tem papel importante no episódio, ao começar a entrevistar novos advogados. Já Diane fica dividida entre sua vida amorosa e profissional. Laura e Will precisam esclarecer seu relacionamento.

s04e20 Rape A Modern Perspective – Quando a Lockhart/Gardner representa uma garota que acusa um colega de classe de estuprá-la, na vara cível pois houve um acordo na vara criminal entre a Promotoria e o acusado, assim o caso toma rumos próprios quando o grupo hacker Anonymous o leva a público, divulgando fatos não aceitos no tribunal. Já Alicia descobre que Cary está saindo da empresa para abrir outra empresa!

s04e21 A More Perfect Union – gostei bastante do episódio e de como uma situação isolada, o caso da semana sobre causa trabalhista, se transformou numa tormenta dentro da Lockhart/Gardner, no entanto, o desfecho dentro da firma foi, no mínimo, curioso. Alicia se envolve num caso de direitos trabalhistas que acaba refletindo nos funcionários da Lockhart & Gardner. Cary segue os planos de sair da firma levando os que julga melhores e cujo tem afinidade. Kalinda recebe uma proposta para mudar de firma. As eleições estão próximas e Alicia acaba tomando partido numa entrevista na televisão.

s04e22 What’s In The Box? – Na noite anterior a da eleição para governador, Alicia, Will e Diane correm a uma série de processos judiciais de emergência, quando Zach acredita que foi testemunha de fraude eleitoral. Mesmo utilizando do mesmo artifício (fraude eleitoral) de Scandal, gostei desta “louca noite de aventuras” dos advogados, com direito a uma pá de participaçãoes especiais, o prefeito de New York, Bloomberg, Martha Plimpton, Dylan Baker, Denis O’Hare e T. R. Knight; o final da temporada acaba por iniciar um novo ciclo na vida dos personagens, isto me parece bastante interessante após 4 temporadas, temos alguns arcos promissores, como a nova firma de Alicia e Cary, a situação da Lockhart & Gardner, Peter governador, Diane candidata ao Supremo, não sei se a fraude eleitoral ainda aparecerá (Will e Kalinda sabem), e a situação amorosa de Alicia parece ter saído da estagnação, optando, de vez, por Peter.

STATUS: RENOVADA PARA 5ª TEMPORADA (set/13).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: