Bloodline (Netflix) – 1ª temporada (FINALIZADA)

bloodline“Bloodline” explora os fantasmas sob a superfície de uma família média americana. Os Rayburn trabalharam muito para conquistar seu lugar na sociedade da cidade onde moram. Quando a ovelha negra chega para comemorar os 45 anos do hotel da família e ameaça revelar certos segredos, seus irmãos são levados ao limite da lealdade.

s01e01 Part 1 – Os problemas começam quando o filho mais velho dos Rayburns volta para a comemoração dos 45 anos do hotel da família em Islamorada, Florida Keys.

Série dos ótimos criadores de Damages, deve render um bom drama pela mãos do netflix, que espero deem liberdade aos roteiristas, pelo piloto a trama tem uma narrativa pouco dispersa, no sentido temporal, com eventos em duas linhas do tempo, porém não cono praticado pelos roteiristas em Damages, o ritmo é mais galgado na revelação pouco-a-pouco dos personagens, vantagem de série por streaming. Gosto do ambiente e do elenco, à conferir e decidir no próximo.

s01e02 Part 2 – Um acidente reabre feridas antigas e complica ainda mais a relação de Danny com o resto da família. Sim, continuo gostando do tema, desenvolvimento e novas storylines que os roteiristas estão abrindo…vou abraçar a temporada!

s01e03 Part 3 – O estado de Robert é duvidoso e Danny reconsidera ficar em Islamorada. As obrigações pessoais e profissionais de Meg saem de controle. Episódio focado em Meg, porém há mais alguns segredos no passado da família Rayburn que ainda não foram nos revelado!

s01e04 Part 4 – Robert volta para casa enquanto o resto da família ainda se acostuma com a presença de Danny. John e Marco descobrem um barco queimado relacionado ao caso de assassinato. Achei esse episódio o mais irregular até aqui, de repente, faltou equilibrar melhor o drama familiar com a trama policial que parece bacana.

s01e05 Part 5 – Uma tragédia repentina abala ainda mais os Rayburns. Durante a investigação do caso, John descobre algo perturbador. Agora a coisa promete engrenar na família Rayburn, que medo!

s01e06 Part 6 – John não quer se afastar de Danny, que descobre um segredo terrível do passado. Meg aceita um novo cliente. A vida pessoal de Kevin passa por mudanças. Apesar de a morte do patriarca já ser coisa do passado, mesmo que rápido, acho que uma nova dinâmica se abre na série, que parece um organismo vivo, sem previsibilidade!

s01e07 Part 7 – John e Marco encontram uma pista do caso. Meg faz o possível para ajudar Carlos. Kevin diz a verdade a Danny. Episódio filler, não rendeu nenhuma grande revelação e nem mesmo consequências dentro da trama.

s01e08 Part 8 – Kevin se recupera do assalto na casa de Sally. Danny faz um acordo com Carlos. John e Marco identificam uma das garotas assassinadas. A trama policial começa a crescer ao mesmo tempo que vemos que Danny ira colocar os pés pelas mãos no negócio da família.

s01e09 Part 9 – A agência federal anti-drogas se envolve nas investigações. As tensões aumentam entre Meg e Danny. John investiga o passado de Danny. Sally relembra o passado. Neste ponto, gostaria que a série desse maior atenção à sally, que como mãe tende a ser condescendente com Danny, também gosto dessa investigação pelo tempo no qual Danny ficou sumido.

s01e10 Part 10 – Meg e Sally prosseguem com os planos do casamento. A investigação de John e Marco indica Danny como suspeito. O cerco ao Danny começa a se fechar através da investigação da Narcóticos, porém, John acha que pode ir a frente na investigação para poupar a família

s01e11 Part 11 – John confronta Carlos e precisa elaborar um plano com Kevin e Meg para salvar a família. Notem como esse costume de John em tentar poupar a família de alguma situação pode lhe causar a própria liberdade e dos irmãos, ao remexer nas drogas de Danny, além disso, finalmente, em imagens, descobrimos o que ocorreu à irmã falecida Rayburn e qual seria a “culpa” de Danny na história, reta final empolgante!

s01e12/13 Part 12/13 Season Finale – Os problemas do passado e do presente de Danny se tornam uma ameaça fatal para os Rayburn. Sally confronta sua família. Na season finale, John, Kevin e Meg tentam recolocar suas vidas nos eixos após aceitar a verdade sobre Danny.

Sem a menor sombra de dúvida, a série dos criadores de Damages, soube dar um pouco de dramaticidade ao catálogo da Netflix, talvez fazer apoio a House of Cards, principalmente para quem curte um bom drama familiar, acredito que se não fosse a porção policial que ficou diluída durante os 13 episódios e em momento algum funcionou como drama ou mistério dentro da trama, a série poderia ter utilizado esse espaço para desenvolver melhor Kevin (separação?oi, não entendi), Meg (traição?casamento?profissão?) e Sally (realmente, achava importante uma maior participação dos pais Rayburn para ilustrar o presente da família).

Porém, preciso dizer que o embate entre Danny e John foi praticamente irretocável, cheio de mágoas, carinho, culpas e desculpas, foi realmente um relacionamento passional de irmãos, a morte de Danny foi visceral e mesmo sabendo que os roteiristas tem capacidade de criar boas tramas para uma segunda temporada, acho muito complicado isso dar certo sem a presença hipnotizante de Danny de Ben Mendelsohn.

STATUS: RENOVADA 2ª TEMPORADA (2016).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: