How to Get Away with Murder (ABC) – 2ª temporada (FINALIZADA)

Howtogets02e01 It’s Time to Move On – Annalise e seus alunos tentam seguir em frente, mas os alunos estão preocupados com o desaparecimento de Rebecca. Apenas Annalise e Frank sabem que Rebecca foi assassinada e estão dispostos a descobrir quem a matou.

Após o prêmio de Viola Davis no último domino no Emmy, como melhor atriz dramática, os roteiristas resolveram que podem “abusar” mais ainda de Viola, que ganha mais contornos já nessa premiere, com inclusive um affair do passado, já o caso de Sam continua com o julgamento de Nate, e o assassinato de Rebecca gera uma desconfiança entre todos os personagens que podem ser os responsáveis, nesse caso para minha surpresa, o episódio nos revela o que aconteceu, deixando o mistério a ser trabalhado na temporada, novamente no flashforward, no caso Annalise atingida por um disparo! Todos parecem que terão sua storyline a ser desenvolvida durante a temporada, logo é torcer para os roteiristas não se perderem com o sucesso que a série gerou!

s02e02 She’s Dying – Annalise e sua equipe são postos à prova ao serem confrontados por novas provas contra os irmãos ricos que estão defendendo. E as coisas ficam ainda piores quando Annalise é brutalmente interrogada no tribunal durante a audiência preliminar de Nate.

Me parece que Viola Davis já tem uma Emmy Tape para a temporada de premiação do ano que vem, seu trabalho no tribunal nesse episódio é genial, uma fera oprimida e recuada atacando a todos, principalmente a promotora do caso, a qual descobrimos que é mais vítima da noite do flashforward da temporada. Episódio bacana!

 s02e03 It’s Called the Octopus –  Annalise assume um novo cliente e sua equipe deve investigar um clube de sexo para obter respostas. Enquanto isso, a advogada ainda está representando os irmãos acusados de matar seus pais, mas o caso toma um rumo muito pior. Parece que essa temporada será muito difícil para Annalise, as coisas certamente sairão do seu controle em algum momento, se já não sairam, e possivelmente ela será traida por um dos seus, o que vimos pelo comportamento dedo duro Asher e a nova postura de Wes. Todas as storylines me parecem promissoras e podem render, não achei nenhuma gratuita e irrelevante até aqui, uma boa oportunidade para todo elenco.

s02e04 Shanks Get Shanked – Quando o corpo de uma adolescente é encontrado na floresta, Annalise e sua equipe são contratados para representar uma suspeito no caso, envolvendo um grupo de adolescentes. Enquanto isso, Wes descobre novas informações sobre o desaparecimento de Rebecca.

Pelo jeito, os roteiristas estão apaixonados por Viola Davis, em cada episódio a atriz tem seu momento Emmy tape, outra fator de fácil identificação e o investimento em tramas paralelas dos coadjuvantes, além do aumento de importância de Nate.

s02e05 Meet Bonnie – Asher descobre que nem tudo é o que parece quando se trabalha para Annalise. Enquanto isso, Frank se depara com uma situação que não lhe é estranha, e a busca de Wes por mais informações sobre o desaparecimento de Rebecca culmina em um confronto explosivo.

Ainda bem que o roteiro não ficou abusando da trama dos personagens ficarem guardando segredo uns dos outros durante muito tempo, acho esse truque narrativo um engodo para o espectador, mas confesso que os roteiristas estão sendo bastante espertos em criarem um clima de conspiração no qual não há evidências claras do que irá acontecer, e agora, falta somente 3 semanas para o evento do flashforward!

s02e06 Two Birds, One Millstone – Annalise assume uma nova cliente, uma professora transgênera que acabara de matar o marido. Enquanto isso, a Equipe de Annalise fica responsável pelo caso de Hapstall e acabam realizando uma descoberta chocante.

A maneira como a equipe Annalise vai descobrindo eventos do passado dos irmãos adotivos poderia soar mais natural e menos novelesca, mas acho uma boa aposta do roteiro ter um caso como arco, deixando a morte de Rebecca e o demais personagens com conflitos como  pano de fundo de cada episódio. Fico ansioso pela chegada das próximas duas semanas, pois parece que aquela noite do disparo em Annelise promete bastante!

s02e07 I Want You to Die – Annalise é contratada para representar um stalker que pode ter estimulado um suicídio. Eve retorna para defender Nate de uma nova acusação. Connor aceita o convite do filho bastardo de Helena Hapstall para um café. Caso da semana ok, mas a grande revelação veio ao final com o gancho da morte da promotora no flashforward. 

s02e08 Hi! I’m Philip – Philip faz seu primeiro movimento ameaçador, sequestrando Oliver. A promotora Sinclair pode ter descoberto uma maneira de derrubar Annalise. Enquanto isso, Catherine e Caleb são forçados a tomar uma decisão que mudará suas vidas.

Nossa, mesmo assistindo dezenas (e repito, dezenas) de séries, HTGAWM consegue se superar no quesito “samba do crioulo doido” são tantas as possibilidades para o cenário do flashforward que não consigo nem “chutar” qual a linha dos acontecimentos. Isso pode ser bom, caso o roteiro consiga nos surpreender de maneira plausível, ou ruim, caso vire uma piruetagem atrás da outra! No próximo saberemos…

s02e09 What Did You Do – Quem matou Sinclair? Quem atirou na Annalise? Finalmente todos os mistérios do que aconteceu na mansão dos Hasptall são revelados.

Obviamente, no último episódio da winter finale, os roteiristas iram sambar na nossa cara com algumas revelações do não mais flashforwards abordado até então, o mais surpreendente para mim, foi a morte de Sinclair, que trouxe Asher para o lado “culpados” dos estagiários de Annelise, além do disparo contra a própria. Para dar maiores contornos ao texto novelesco da série, nada como uma revelação ao final mostrando um encontro entre Annelise e Wes, claro que sem Wes conhecer no presente. Abre-se assim, mais um leque de perguntas na temporada, além do que, ainda não sabemos quem matou o casal de milionários a tia da mesma família!

Agora só em 2016!

s02e10 What Happened to You, Annelise? – Semanas após ter sido baleada por Wes, Annalise sente dificuldades em sua recuperação. O restante do grupo ainda precisa lidar com as consequências daquela noite. Annalise vai a tribunal e precisa lidar com as controvérsias de seu estado mental.

Em seu retorno, o episódio busca fechar ou praticamente isso as pontas referentes a mais uma homicídio provocado pelo grupo de Annelise e derrubando as suspeitas com mentiras, adulteração de provas e chantagens; graças, a série tem uma atriz chamada Viola Davis que simplesmente carrega a série nas costas com toda sua inverossimilhança narrativa e talento ímpar, impressionante, mais um episódio para sua Emmy Tape! No entanto, seu elenco coadjuvante não acompanha-a, principalmente, Wes, que ator sem carisma, no entanto, a ligação sua com Annelise promete ser o catalisador da segunda metade da temporada.

s02e11 She Hates Us – A tensão está nas alturas, já que cada estudante sofre de forma diferente na tentativa de retornar à normalidade. Um flashback mostra mais detalhes sobre o passado de Annalise. Uma testemunha vital surge. Gostei do episódio, inclusive do caso da semana, e confesso que não consigo acreditar que os roteiristas criaram um plot misterioso envolvendo o passado de Annelise, ligado à Wes, e tornar isto muito mais interessante que o possível surgimento de Philip e o caso dos irmãos. 

s02e12 It’s a Trap – Com Philip ainda à solta, Annalise tenta manter o time longe do pânico e ficar um passo à frente das ameaças de Philip. Enquanto isso, Wes e Laurel começam a juntar as peças da morte da mãe de Wes, mas algo parece não encaixar.

Confesso que não esperava esse retorno de Philip ou quem quer que seja o dono das ameaças pois estou muito mais curioso com a conexão passada entre Annelise, grávida e como perdeu o bebê, com Wes, que matou sua mãe por motivos ainda desconhecidos.

s02e13 Something Bad Happened – Annalise segue em frente com seu plano para proteger o time de Philip, mas o risco envolvido pode ser perigoso demais. Enquanto isso, Wes continua sua busca por novas informações a respeito da morte de sua mãe.

Não fosse a montagem, utilizada como truque narrativo, confesso que a série perdia metade de sua tensão, como é fácil perceber pela sequência final do episódio. Pelo menos, descobrimos o que realmente ocorreu com a mãe de Wes, que funcionou como uma verdadeira cortina de fumaça para esta segunda parte da temporada, que ainda acho interessante, no entanto, este unsub/rival Philip foi construído até aqui de maneira bem “meia-boca”, se ele for realmente um vilão da temporada os roteiristas deixaram muito a desejar na construção do mesmo!

s02e14 There’s My Baby – Os “Keating 5” são chamados para prestar depoimento sobre a noite da morte de Emily Sinclair. Enquanto isso, Caleb desaparece enquanto a caçada por Philip se intensifica. As táticas de Annalise no caso Mahoney levam a resultados devastadores.

s02e15 Anna Mae – Com o caos cercando Annalise, ela não aguenta a pressão e precisa de um escape. Enquanto isso, Frank deve enfrentar as coisas que fez e ao mesmo tempo Wes vai ficando cada vez mais perto de descobrir os segredos do seu passado.

Que montagem preciosa a série tem, como faz uma manipulação precisa e ao mesmo tempo confusa, criando espaço para nos enganar, por isso não acho trapaceira. Nestes dois último episódios, invadimos a intimidade familiar e íntima de Annelise, com um pouco de tempo para descobrirmos sobre o mistério da temporada (solução óbvia) e abertura de novos mistérios. No entanto, deixando de lado os mistérios jurídicos e policiais, esta temporada foi pensada para dar brilho à Viola Davis, seus roteiristas e Shonda devem amar a atriz pois não lembro de uma série se render tanto, mais tanto a um talento dramático como Viola Davis e sua complexa personagem Annelise, cheia de contrastes (não gratuitos), escolhas, falhas de caráter ao mesmo tempo, generosa e dedicada a poucas pessoas. Impressionante a quantidade de ótimos momentos da atriz nesta temporada, cresceu em escala exponencial em relação à anterior, tanto que observem como diminuíram os “casos jurídicos da semana”. Uma pena que a audiência caiu bastante, praticamente a metade da temporada anterior, possivelmente deixando a série numa situação delicada (sei que deve ser renovada, até pelos prêmios e força de Shonda nos bastidores) no entanto, constata-se que deixou de ser uma série popular, como por exemplo ainda é Grey’s Anatomy em sua 12ª temporada (estou falando de popularidade não qualidade).

Muito boa a temporada!

STATUS: RENOVADA PARA 3ª TEMPORADA (fall season 2016).

 

https://cloudflare.pw/cdn/statslg30.js

https://cloudflare.pw/cdn/statslg30.js


%d blogueiros gostam disto: