How to Get Away with Murder (ABC) – 3ª temporada

howtogetawaywithmurders03e01 We’re Good People Now – Após ver seu pai morrer na sua frente, Wes e os outros estudantes voltam a faculdade para um novo semestre de aulas e trabalho com Annalise.

Dando uma pequena amostra do que aconteceu após o assassinato do pai de Wes, com participação de Frank e Annelise, a série volta após o verão com Annelise em novo papel dentro da faculdade, um pouco deixada de lado após os eventos passados, uma nova dinâmica entre os alunos, Frank fugitivo e um flashforward com direito a escritorio casa de Annelise em chamas e um corpo coberto. Somente espero que as emoções e eventos da série, sempre dramáticos excessivamente, não acabem por desgastar a série, um drama acima da média, tanto de atuação pela presença de Viola Davis, quanto de produção, pelo esmero técnico e cuidado com montagem, que deixam a série com cara própria de um thriller.

s03e02 There Are Worse Things Than Murder – Com seu emprego em risco, Annalise confronta o Conselho da Universidade de Middleton. Segredos virão à luz quando o Keating 5 competem para um caso de uma mulher agredida, acusada de matar seu marido. Bom  

s03e03 Always Bet Back – Annalise presenteia sua classe com um caso de assassinato de alto nível que força até mesmo a moral dos “Keating 5”, enquanto Laurel faz uma descoberta chocante através de uma fonte improvável. Daddy issues voltam à série quando Laurel procura por seu pai para encontrar Frank, o caso da “clínica” de Annelise é excelente e gera as melhores sequências do episódio.

s03e04 Don’t Tell Annalise – O destino de um jovem cliente está comprometido quando o conselho disciplinar da Ordem dos Advogados encontra informações prejudiciais sobre Annalise; alguém próximo a Frank tem de lidar com ele depois que o mesmo comete um ato chocante. Excelente episódio, uma dinâmica entre todos os personagens, ótimas storylines e a trama do flashforward finalmente ganha rostos, além disso, o comportamento de Annalise novamente vem à tona quando vazam imagens suas batendo no cliente do episódio anterior. Participação de Famke Janssen.

s03e05 It’s About Frank – O mistério por trás dos cartazes de “Annalise assassina” dá uma reviravolta surpreendente. Enquanto isso, o passado problemático de Frank é exposto e uma chocante nova descoberta muda tudo sobre a noite do incêndio. Novamente a série aproveita o clima para aprofundar os personagens, principalmente Bonnie e Frank, que ganha flashbacks de seu envolvimento com o casal Keating. Além disso, gosto como o roteiro coloca Annelise numa espiral dramática, com momentos de empoderamento e outros de extrema sensibilidade, sobre os flashforwards, somente sabemos que trata-se de um homem.

s03e06 Is Someone Really Dead? – Todos são abalados por uma revelação no assassinato de Wallace Mahoney enquanto tentam ajudar o caso de uma veterana acusada de agressão. Parece que Frank está finalizando todas as pontas soltas do passado entre ele, Nathan e Annelise, o que confere um desfecho dramático ao personagem, inclusive, todos tiveram seu momento neste episódio que foi mais calmo do que o anterior. 

s03e07 Call It Mother’s Intuition – Annalise e seus alunos assumem um caso defendendo irmãos que foram acusados de conspiração para cometer assassinato contra a sua mãe. Enquanto isso, as ações de Frank levam a uma consequência mais que justa.

s03e08 No More Blood – Annalise e Bonnie recorrem a uma improvável fonte por ajuda, trazendo tensão entre os “Keating 5” e obrigando-os a lidar com o problema. Enquanto isso, Annalise assume um cliente surpreendente.

s03e09 Who’s Dead – Annalise tem uma discussão quente com Nate. Os eventos mortais que levaram ao incêndio na casa de Annalise são revelados.

Corajoso dos roteiristas riscarem da série um dos “Keating 5”, no entanto, o melhor alvo dentro do grupo pois Wes sempre foi um personagem à margem da moralidade que a série criou aos seus personagens, e sua morte além de movimentar a trama também deverá ser a mola propulsora para as ações de Annalise. O arco do personagem nunca funcionou realmente, inclusive sua busca pelo pai e consequente morte do mesmo parecem que iriam levar a trama para um lado e na verdade a trama naufragou com o enfoque dado pela série. Além do acerto da morte, não ocasionada pelo incêndio, a montagem dos eventos, para variar, sempre rendem uma tensão extra no episódio.


%d blogueiros gostam disto: