The Flash (CW) – 3ª temporada

theflashs03e01 Flashpoint – Barry está experimentando a vida dos sonhos, uma vez que seus pais estão vivos, ele chamou Iris para um encontro e finalmente pode ser um cara normal em Central City, já que outro velocista, o Kid Flash, está correndo para salvar a cidade.

Nossa que decepção esta premiere de The Flash, pegaram um momento único na história da trama, um suposto reinício, e o que fizeram? Nada! Simplesmente em 40 minutos jogaram tudo na tela, conflitos e resoluções, para na verdade mudar não mudando; nem mesmo este evento repercutiu no universo das demais séries do universo DC na televisão. Que desperdício de plot!

s03e02 Paradox – Barry descobre que os efeitos do Flashpoint são muito maiores do que ele imaginou. Enquanto isso, Barry conhece seu novo companheiro de trabalho, Julian Albert (Tom Felton) e é surpreendido pelo desdém imediato de Julian. Aqui a série retoma seu ritmo normal, da temporada passada, e principalmente esta muito melhor que o anterior, somente não gostei da introdução de Tom Felton e do novo vilão, Archemistry, até porque nada me tira da cabeça que eles serão as mesmas pessoas.

s03e03 Magenta – Wells da Terra-2 conta a Barry e Caitlin que Jesse possui poderes de velocista e está salvando pessoas na sua Terra. Enquanto isso, Magenta, uma nova metahumana que pode controlar metal, aterroriza a cidade. Já estamos quase lá, todo mundo voltando a cena e os conflitos estão sendo colocados em xeque, ainda sinto que o plot de Alquimia e o vilão da temporada passada estão muito similares.

s03e04 The New Rogues – Barry continua treinando Jesse e quando um novo meta-humano, Mestre dos Espelhos, aparece, ele a deixa participar. O Mestre dos Espelhos se uniu à sua antiga parceira, a Pião, e está à procura de Snart para acertar as contas. Achei que como nova linha do tempo, Snart foi muito subutilizado, tendo em mente sua importância no universo DC televisivo.

s03e05 Monster – Barry deve derrotar um monstro gigante que apareceu na cidade, enquanto isso, Caitlin visita sua mãe, na esperança de que ela traga respostas a respeito de seus poderes metahumanos que continuam a crescer. Acredito que o “caso da semana” de um desperdício ímpar, a não ser pra “marretar” na nossa cabeça a dificuldade de relacionamento entre Barry e seu colega; no entanto, parece que a transformação de Caitlin será trabalhada de uma maneira mais adequada, torço pela storyline da personagem.

s03e06 Shade – Quando Wally começa a ter sonhos de ser o Kid Flash, Barry percebe que precisa contar ao jovem, a Iris e ao Joe o que aconteceu com Wally em Flashpoint a fim de mantê-lo a salvo. Nossa com este episódio quase que jogo a toalha pra série, really que precisa de um novo velocista que trabalha para o vilão da temporada (alquimia) e precisa de um novo vilão para a temporada toda, para piorar o que foi o vilão desta semana, Sombra, não serviu pra nada realmente. A série faz sucesso com merecida repercussão mas precisa realmente de melhores roteiristas, somente conceitos não vão segurá-la quando ocorrer o momento “jump the shark”.

s03e07 Killer Frost – Caitlin usa seus poderes para salvar Barry, porém, as consequências podem afrontá-la por toda a vida.

CROSSOVER

Supergirl s02e08 Medusa (1) – CROSSOVER 1/4: Alex decide se assumir para sua mãe e Kara fica surpresa quando Eliza sugere que Mon-El pode gostar dela. Winn e James pensam em contar sobre o Guardião. Cadmus libera um vírus letal para alienígenas. Supergirl recebe um pedido de ajuda. Pegadinha dos produtores, aqui só tivemos uma sequência final que levou a abertura do crossover, no entanto, mais uma vez, mesmo simpatica, vejo que a série passa bem longe do que espero acompanhar numa série de heroína, não que isto a torne ruim, somente enfoque e predileção diferentes das minhas!

s03e08 Invasion (2) – CROSSOVER 2/4: Quando alienígenas atacam Central City, Barry convoca o Arqueiro Verde, as Lendas e também a Supergirl para ajuda-lo a conter a invasão. Entretanto, uma surpresa causada pelo Flashpoint ameaça o plano de ataque. Introdução do inimigo e reunião dos herois para o crossover, a série ganha em ritmo e pela empatia dos personagens, porém o conceito do crossover me parece bastante frágil.

Arrow s05e08 Invasion (3) – CROSSOVER 3/4: Oliver acorda numa realidade diferente: seus pais estão vivos e Laurel é a sua noiva. Tudo parece perfeito, mas Oliver questiona sua realidade. Enquanto isso, Team Arrow, Supergirl e Flash enfrentam uma nova ameaça. Pelo que li comemoração do 100º episódio da série, daí a explicação para a mudança de ritmo do crossover, com acerto em cheio devido ao resumo emocional e viagem nostálgica destes 5 anos da série, que sempre pecou pelo excesso dramático com tons novelescos. Os fãs devem ter entrado em extase!

DC’s Legends of Tomorrow s02e08 Invasion! (4) – Após descobrir o plano dos Dominadores, as Lendas trabalham com Flash, Supergirl e Arqueiro Verde para matá-los de uma vez por todas. Stein descobre uma forma, mas o time é distraído pelas aberrações criadas em 1987. Finalizando o crossover fica a sensação de que a trama foi muito menor que do que a divertida e simpatica reunião entre os herois, parecem amigos/parceiros de sempre, uma relação mesmo que forçada mas que funciona em cena, já algumas sequências de ação são de uma vergonha alheia total e pelo que pude notar os novos integrantes do grupo Legends são tão gratuitos!

Valeu como evento para o universo DC, apesar da irregularidade dos tons das séries!

s03e09 The Present – Barry pede um discurso motivacional a um amigo para enfrentar Savitar. As mudanças na linha do tempo voltam a atormentar Flash com as possibilidades do futuro. Enquanto treina sua velocidade, Wally descobre que ele também era mais rápido que Barry. Indo buscar ajuda do seu pai na Terra 3, velocista, Barry encontra apoio num enfrentamento com Savitar e revela a identidade de Alquimia, no entanto, mais uma vez um velocista age como um manipulador ventríloquo criando obstáculos para o Flash até o final da temporada, espero que os roteiristas encontrem novas saídas para a série pois a sensação é de loop contínuo desde a segunda temporada.


%d blogueiros gostam disto: